top of page
  • Foto do escritorRoberta Advogada

Versão brasileira: Versões BR polêmicas de sucessos internacionais

Versões brasileiras duvidosas de grandes sucessos da música internacional: é o nosso tema de hoje.

Muitas eu não vou negar que até curto, pelo misto de bom humor e cara de pau de fazer versões tão engraçadas, esdrúxulas e distantes da ideia original do artista e do compositor internacional.


Separei 25 grandes momentos para nos divertirmos juntos:



  1. Diz pra mim (Gusttavo Lima)

  2. Na Hora de Amar (Gusttavo Lima)

  3. Desejo Imortal (Gusttavo Lima)


Gusttavo Lima é campeão e emplaca 3 versões BR duvidosas e altamente criticadas nesta lista.



4. Paulinha (Calcinha Preta)



5. Juntos e Shallow Now (Paula Fernandes)



6. Como o Vento (Yahoo)



Wind of Change (Scorpions)



Se "Mordida de Amor'' foi um grande clássico romântico brega nacional, o mesmo não se pode dizer de ''Como o Vento'', que aproveitou apenas a melodia e simplesmente assassinou o real significado da canção dos Scorpions, que fala da queda do Muro de Berlim_ e não de um amor meloso, como a (infelizmente, pois amo o Yahoo) patética versão BR.



7. Original: “Gangnam Style”, de Psy


Versão brasileira: “Laçar Puxar Beijar (Despedida de Solteiro)”, de Latino



8.Original: “Linger”, dos Cranberries


Versão brasileira: “Se a Gente Se Entender”, da Angélica



9. Original: “YMCA”, do Village People


Versão brasileira: “Eu Sou Mais Eu”, do The Fevers



10. Original: “Killing Me Softly”, de Roberta Flack


Versão brasileira: “Faz Eu Perder o Juízo”, de Zezé di Camargo



11. Original: “Take My Breath Away”, do Berlin


Versão brasileira: “Se É Amor Não Sei”, de Cleiton & Camargo



12. Original: “I Should Be So Lucky”, de Kylie Minogue


Versão brasileira: “Acho Que Sou Louca”, de Simony



13. Original: “Unbreak My Heart”, de Toni Braxton


Versão brasileira: “Um Sonho a Mais”, de Jayne



14. A musa das minhas canções (Spanish Guitar)



15. In Your eyes (Em seu olhar)



16. No céu da paixão (I Believe I can fly)






Alexandre Pires: Dividindo o topo do ranking, o aclamado cantor mineiro aparece no pódio ao lado de Gusttavo Lima, com 3 versões BR polêmicas que, na opinião de muitos, estragaram 3 grandes clássicos da música romântica internacional. E você, o que acha?




17. Love love (Naldo e Melody)



18. Sequência de Lovezin



19. Original: “Unbreak My Heart”, de Toni Braxton


Versão brasileira: “Um Sonho a Mais”, de Jayne



Outra que aproveitou o período de grande sucesso de Toni Braxton no Brasil para estragar uma de suas canções clássicas foi Jayne.

Lamentável.

Jayne é uma boa cantora, além de linda.



20. Original: “Please Mr. Postman”, das Marvelettes



Versão brasileira: “Carona”, de Sula Miranda





21. Natalie Imbruglia“Torn”


virou


Aviões do Forró“Blá Blá Blá”




22. 4 Non Blondes“What’s Up”


virou


Sabor de Mulher“Eu Sei”





23. Evanescence“My Immortal”


virou


Noda de Caju“Meu Mundo Sem Você”



24. Nirvana“Come As You Are”


virou


Forró Estourado“Liga o Som”



25. Te amo mas tu me fudeu (Beautiful Girls)





E chega de absurdos hahaha
















0 visualização0 comentário

Kommentare

Kommentare konnten nicht geladen werden
Es gab ein technisches Problem. Verbinde dich erneut oder aktualisiere die Seite.
bottom of page